Fui buscar a felicidade!

28 de agosto de 2014

 Ela deixou um bilhete na portaria dizendo que iria encontrar a felicidade, talvez se ela olhasse em seus olhos na hora de se despedir, talvez não conseguisse. O apartamento pequeno agora parecia uma cidade gigante e deserta. Você andava pelos cômodos em busca de algo que ela tinha esquecido, enquanto isso ela está no salão do centro mudando o visual para se encontrar com outros. Ela agora usa as saias que você um dia odiou tanto, ela dança para todos do jeito que ela dançava só para você. Ela foi direta e sincera quando disse que estava indo atrás da felicidade, e você? Agora assiste o jogo de domingo com a cerveja na mão sozinho. E o que mais te incomoda não é a solidão, ou a falta dos abraços calorosos que ela dava, o que te incomoda é saber que aquela risada escandalosa e gostosa ela irá dar para outro, e não será você,  o fato de saber que ela não perdeu a fé no amor mas sim em você. Talvez no meio daquela briga na qual nesse momento você nem lembra mais o motivo, talvez não devesse ter mandado ela ir embora, afinal já dissera tantas vezes isso durante as brigas que como saberia que naquela noite de sábado enquanto você estava no bar da esquina tentando embriagar sua razão ela estaria em seu apartamento fazendo as malas e acredite dessa vez vai ser diferente, ela não vai voltar. E você está dirigindo devagar pelas ruas da cidade, tentando encontrar um pouco dela dentro das outras mulheres quando no rádio toca aquela música, a música de vocês, tu olha para o banco do passageiro e a imagina ali, te olhando com aqueles grandes olhos infantis e sorriso estampado no rosto brincando com as mechas de seu cabelo, e ai nesse momento você percebe que é ela, sempre foi ela até mesmo durante as brigas era ela, mas o que mais machuca além do vazio que ela deixou é saber que não é mais você, não é você que vai fazer ela feliz. E você fica ai se lamentando pelo passado, enquanto ela se encontra num bar próximo, rindo, cantando, dançando, amando afinal você mandou ela ir embora e como ela escreveu ..... ela foi buscar a felicidade.
Madu
                                                       Me acompanhe na redes sociais: